Aba 1

 

Advocacia Batista
Postado em 19 de Novembro de 2019 às 17h50

A lei complementar nº 150/2015 e as empregadas domésticas

Produção Acadêmica (1)

O presente estudo tem como objetivo analisar a teoria crítica do filósofo Axel Honneth e a efetividade da Lei Complementar nº 150/2015 nos direitos concedidos à classe trabalhadora doméstica. Inicialmente analisar-se-á a construção da realidade social dos grupos sociais e o desenvolvimento da legislação brasileira sobre os direitos concedidos às empregadas domésticas. No segundo capítulo tratar-se-á da teoria do reconhecimento do filósofo Axel Honneth, destacando-se as esferas de reconhecimento, que podem ser verificadas nas relações de amor, direito e solidariedade, representado respectivamente, autoconfiança, autorrespeito e autoestima e também as patologias diagnosticadas nos estudo honnethianos que podem interferir qualquer uma das referidas esferas. Por fim, verificar-se-á a falta de efetividade dos direitos concedidos à classe trabalhadora doméstica em uma análise sobre as experiências vivenciadas por empregadas domésticas residentes na cidade de Chapecó. O presente estudo objetiva verificar a existência de patologias nas esferas de reconhecimento analisando os referidos casos práticos e, qual a interferência das patologias na falta de efetividade de direitos já concedidos. 

Preencha o formulário e receba por e-mail o link para download

Nome
E-mail
Telefone
Mensagem
Resolva :

Voltar para Blog